Ainda na Califórnia…

 

Essa viagem linda e delícia começou e San Diego, depois Los Angeles e por fim San Francisco (a parte sobre LA está no post anterior, esse post vai ser só sobre San Diego e San Francisco).

Primeiro de tudo, chegamos moooortos de fome e procuramos um Diner pra gente comer, os Diners são lanchonetes que ficam abertas 24h servindo todo tipo de comida (como não amar os Estados Unidos?).

Essa foi minha primeira refeição na Califórnia. Cara, tava muito bom!

fdgh.png

E meu café da manhã (já que o assunto é comida…) por várias manhãs foi esse Donut delícia cheio de açúcar 😀

1.png

Em San Diego passeamos pela cidade e tiramos nossa primeira foto em família depois de muitos meses longe da minha irmã (nem foram tantos meses assim, mas a gente já estava com muita saudade).

IMG_3760

Fomos na SeaWorld, o parque é lindo (mas fiquei com muita pena dos bichinhos na hora do show).

11IMG_3766IMG_8292

Logo de cara, compramos um sorvete de cookies de M&M’s delícia!

Cópia de IMG_3787.JPG

Achamos um brinquedo que quem ganhasse, levava um pinguim de Madagascar de pelúcia, não resistimos e jogamos pra ganhar. Olha que meninas felizes com seus pinguins 😀Cópia de IMG_3800.JPG

No fim da tarde, fomos no teleférico que conseguimos ver o parque todo e boa parte da cidade, foi bem bonito (e deu muito frio na barriga de ficar pendurada no carrinho haha).

 

vdasghfgh.png

Uma coisa muito engraçada que vi em vários lugares em San Diego, foi a fascinação por Bacon, tinha tudo de Bacon em vários lugares, não tive coragem de experimentar haha Imaginem só, chiclete e bala de Bacon? será que é bom? Você experimentaria?

Depois de San Diego fomos para Los Angeles (clique para ver o post) e por fim a última parada da nossa Road Trip foi em  San Francisco, que de início eu nem tinha dado muita importância, mas quando chegamos lá, fiquei apaixonada pela cidade.

San Francisco tem uma pegada bem psicodélica e bastante colorida, a cidade toda é cheia de vida e gente diferente.

De primeira, passamos pelos pontos turísticos mais conhecidos. Passeamos pelo Fisherman1s Wharf, onde encontramos muuuuitos brasileiros e muito siri (eles comem bastante siri por lá, e eles são enormes!)

De lá do Cais a gente consegue ver Alcatraz (que eu não fui, mas já já explico o porque).

IMG_5975.JPGIMG_6026

Olha o tamanho dos siris que eu falei!

IMG_6029.JPG

Era época de Natal quando fomos lá, então a cidade estava toda enfeitada, mas o mais legal de tudo, foram as decorações de Natal combinando com o lugar, porque na Califórnia (ou pelo menos em boa parte de estado) não faz muito frio, e o clima é de praia até no inverno (essa foi a experiência que tive na época que fui lá, pode ser que mude dependendo do mês e cidade).

Olha que legal o Natal por lá! Eu sempre achei que no Brasil o Natal deveria ser decorado dessa forma, porque gente… não faz frio em Dezembro aqui, muito pelo contrário… faz MUITO CALOR, daí eu sempre achei bem surreal aquele monte de neve falsa e o Papai Noel com roupas super pesadas e quentes… enfim, só um desabafo hahaIMG_5965IMG_4440.jpg

Quem já viu o filme “O diário da Princesa” sabe que a história é passada em San Francisco, e a princesa Mia leva a vó dela a rainha Clarisse para passear pela cidade e elas comem Corn Dog. (clique aqui pra ver qual é a cena que eu estou falando).

Claro que estando na cidade (e tendo visto o filme mil vezes quando eu tinha 11 anos haha) eu tinha que comer o tal do Corn Dog com mostarda.Tem gosto de enroladinho de salsicha da padaria, só que menos gorduroso, é bem bom haha

IMG_6035

Continuando nossos passeios, não poderíamos deixar de ir à Golden Gate. Porque… né? A gente estava em San Francisco haha

Eu e Marina gastamos de tanto tirar fotos lá. A vista é linda e cara, era a Golden Gate 😀

7hytghf

Bom, no primeiro dia tentamos todos ir à Alcatraz (clique aqui pra saber sobre os ingressos), chegamos no lugar de comprar os ingressos e descobrimos que não tinha mais nenhum lugar em barco nenhum, e que teríamos que ter comprado com muita antecedência, mas como bons brasileiros que somos, não compramos nada com antecedência e ficamos de cara.  Então se você está planejando ir para San Francisco, compre seus ingressos para Alcatraz antes de viajarem, ok?

A moça que trabalha lá disse que teríamos uma alternativa, que era um barco que saíria às 7 da manhã do Cais, só que os ingressos seriam vendidos para as primeiras pessoas que entrassem na fila, e no dia anterior a primeira pessoa que entrou na fila tinha chegado lá às 3 da manhã… Daí eu já desisti. Aí vocês podem falar: “Nossa Julianna, você já estava lá, deixou de ir em Alcatraz porque estava com preguiça de acordar cedo, nossa, credo!” Então, não me arrependi não haha

Meu pai e minha irmã levantaram às 3:30 da manhã, num frio absurdo para irem pra fila de Alcatraz…enquanto eu e minha mãe ficamos no Hotel, acordamos cedo e fomos explorar a cidade de ônibus, e foi muito legal!

A gente não tinha idéia de onde a gente iria, e que ônibus pegar, vimos muita gente doida e rimos muito.

Antes de viajar eu tinha visto uma matéria no site Hypeness que falava sobre Haight and Ashbury, um lugar em San Francisco que nos anos 60 e 70, foi um lugar onde os hippies iam muito e alguns famosos dessa época moravam por lá como por exemplo Janis Joplin, Jimi Hendrix, Sid Vicious e vários outros.

Sem dúvidas é um lugar que tem que ser visitado, o bairro é demais! As casas e lojas coloridas, as pessoas diferentes nas ruas, você se sente dentro da época do movimento hippie, eu amei!

10360608_10204761250004411_8211752011004508480_n

3.png

410952082_10204761249724404_713427468130536861_n

Esse foi o fim da nossa viagem… infelizmente passou muito rápido, eu com certeza quero voltar a todos esses lugares com mais calma para poder ver de novo o que eu vi e conhecer coisas que não tive tempo de conhecer.

Com certeza a Califórnia foi um dos lugares mais incríveis que já fui, e saí de lá querendo morar por lá.

 

Beijo beijo,

Ju.

Anúncios

Los Angeles ❤️

Logo depois de sair do Hawaii no ano passado, fui pra California com minha família para encontrar com minha irmã que está fazendo intercâmbio (na verdade ela tá no Canadá, mas não quis que a gente fosse pra lá porque estava fazendo 40 graus negativos e preferiu nos encontrar na California).

Meus pais sempre quiseram fazer essa viagem com e gente, eles moraram lá logo que se casaram e queria mostrar pra nós duas as coisas legais de lá.

Pra mim essa viagem foi bem importante, porque depois de 24 anos de vida, eu voltei ao lugar que nasci (sim, eu nasci em Los Angeles e nunca tinha ida pra lá).

Nossa viagem começou em San Diego, passamos por Los Angeles e finalizou em San Francisco.

Vou fazer dois posts dessa viagem, porque senão vai ficar muuuuito longo, então esse vai ser só de Los Angeles e depois faço um de San Diego e San Francisco.

No caminho para LA, paramos em alguns lugares lindos para tirar foto ou comer alguma coisa. A minha parada preferida foi em Huntington beach. Que lugar lindo! O astral da cidade é demais, e não dá vontade de sair de lá.

O Pier é muito legal e a gente viu várias gaivotas e pelicanos! Me senti em um filme haha.

10.png

IMG_4561IMG_4551IMG_4550

Chegamos em Los Angeles de tarde e logo fomos para Venice Beach. Não tem como descrever, é um lugar muito surreal. Ninguém quer saber de nada, todo mundo se veste como quer, faz o que quer. Estava um entardecer maravilhoso, as cores no céu eram de dar vontade de chorar, fiquei muito emocionada (sim, sou dessas que choram).

IMG_8270.jpg

IMG_8268.jpg

IMG_4657.jpg

Ah, e é super normal todo mundo te oferecer maconha enquanto você anda pela praia. Lá tem mil lojinhas pra comprar maconha hahaha. Tipo essa aí na foto.

IMG_8278.jpg

Ainda em LA, fomos turistar pela Calçada da Fama e no letreiro de Hollywood (estava fechada a entrada, por isso não conseguimos chegar tão perto da placa).

Nem acreditei que estava ali do ladinho do Johnny ❤️

IMG_5079.jpg

IMG_5092.jpg

Na mesma calçada, um pouco mais pra frente, chegamos em uma loja de doces muito legal! Tinha mil tipos de doces, a loja é enorme e muito linda. Só pelo nome já dá pra saber que é demais: “The Greatest Candy Store in Earth” (A melhor loja de doces da Terra)

IMG_5108.jpg

IMG_5111.jpg

IMG_5110.jpg

Tinham vários quadros feitos de Jelly Beans, muito legal! (Será que tem gente que compra?)

 

E o que eu achei mais legal na loja foi a parte que você pode montar a sua barra de chocolate do jeito que você quiser. Você escolhe os ingredientes em um quadro enorme e você vê a sua barra ser montada ali na sua frente mesmo. Achei demais!

IMG_5114

O quadro com is ingredientes e a cozinha é dentro desse vidro pra você ver todo o processo.

IMG_5116.jpg

Falando de gordices, o que a gente mais comia lá era lanche. Tem gente que reclama muito da comida dos EUA, mas eu amo. EU comia hambúrguer todo dia, e fica super feliz haha

O fast food que mais gostei foi o Denny’s (esse da foto de baixo), a gente podia montar nosso lanche do jeito que a gente quisesse, era uma delícia.IMG_4130.jpg

E o café da manhã americano… Nossa, não me cansei de comer panquecas e bacon e tudo de gordo que você pode imaginar.

Me julguem, eu AMO a comida americana hahaha.

IMG_5041

Voltando aos passeios… depois de muito procurar e rodar, chegamos no letreiro de Hollywood. Ficamos um pouco longe, mas renderam umas fotos bonitas 😀

hghdrth

IMG_5193.jpg

Estávamos hospedados pertinho do Pier de Santa Monica, e no Pier tem um Bubba Gump, pra que não sabe, é o restaurante inspirado no filme Forrest Gump (que está la minha lista de filmes favoritos). O restaurante é lindo, todo temático. Claro que pedi um prato com camarão, e tomei uma margarita pra relaxar do nosso dia corrido.

IMG_4678IMG_5320IMG_5308

IMG_5302

Dia 25 de dezembro fomos passar nosso Natal em nada mais nada menos que na Disneyland! Foi mágico! Me emocionei muito.

Na foto, nós quatro super empolgados antes de entrar no parque.IMG_4735

Tiramos foto com o Pluto e dentro da casa dele haha.

IMG_4862.jpg

IMG_4836

No parque todo, as pessoas andavam com orelhas de Mickey e Minnie, eu e minha irmã fomos em uma lojinha ver o preço.. 17 dólares cada uma! Como a gente que estava pagando as coisas com nosso dinheiro, desistimos de comprar… daqui a pouco meus pais apareceram com duas orelhas da Minnie de presente pra gente. A gente ficou MUITO FELIZ hahaha não tiramos da cabeça por nada depois.IMG_4850

IMG_4892.jpg

IMG_4868IMG_5038

Se eu pudesse recomendar só uma coisa na Disneyland, com certeza seria a Space Mountain. Antes de entrar eu estava morrendo de medo, porque é uma montanha russa no escuro, pensa que bizarro. Ficamos mais de 2 horas na fila, quando chegou a hora, foi muuuuuuito legal, uma pena que passou rápido demais. Se não fosse a fila eu teria ido umas 10 vezes haha.

Passar o Natal na Disney foi demais!

IMG_4921.jpg

Agora, um lugar que eu super recomendo ir em LA é em Topanga Canyon, a estrada é bonita demais e tem vááááárias lojas de coisas hippies muito lindas. Minha mãe sempre falou desse lugar pra mim, e como eu e ela temos o mesmo gosto, ela sabia que eu iria amar passar por lá. Lá a gente consegue comprar coisinhas que são únicas e não tem como achar em lugar nenhum, só lá. 🙂

IMG_5783.jpg

IMG_5779.jpg

IMG_5777.jpg

Um dos pontos mais altos da viagem pra mim foi o dia que fomos na Warner Bros Studios.  Lá nós fizemos um tour pelos cenários dos filmes e séries da Warner.

Eu sempre fui muito fã da série FRIENDS, e não tinha como eu deixar de conhecer onde eles gravaram os episódios.

Nem precisa falar que eu PIREI quando entrei no cenário do Central Perk e sentei no sofá.

6

Toda minha família é fã de FRIENDS haha

IMG_5460.JPG

No final da visita, passamos na lojinha da Warner, e cara… eu me descontrolei comprando tudo de Friends, tipo TUDO! Na viagem toda, tenho certeza que alí foi o lugar que mais gastei (mas super valeu a pena!).

Olha a cara de felicidade da pessoa na foto! hahaha

IMG_5619

Pra fechar, tiramos uma tarde para ir nos lugares que meus pais frequentavam quando moraram lá, e fomos no hospital que nasci e tiramos essa foto muito legal. A foto que está na mão da minha irmã foi trada no dia que eu nasci e a de cima, a gente ficou parado no mesmo lugar (só que hoje eu sou maior que minha mãe haha).

IMG_5676.JPG

Essa viagem foi muito especial porque desde que éramos crianças, meus pais planejavam ir para a Califórnia levando minha irmã e eu. Foi muito divertido e emocionante. Não vejo a hora de voltar pra LA.

 

See ya.

 

Ju.

 

Hola amigos! 

Um país que eu ainda não fui, mas tenho muuuito vontade de ir, é o México. Adoro ver fotos de lá, pesquisar coisas pra fazer na cidades, os melhores lugares pra visitar… E é claro, sempre pesquiso muito sobre a comida 😀

Na minha opinião, a comida é uma das coisas mais importantes da cultura do lugar, quando eu como uma comida japonesa, brasileira ou alemã, eu me sinto mais perto da cultura do país, mesmo sem ter visitado o lugar de verdade.  

Eu amo comida mexicana, o gosto, as cores, o cheiro. É uma comida marcante, que caracteriza bem a cultura do seu país. 

Um dos meus preferidos é a Guacamole. Adoro! Antes de experimentar eu pensava: “ai não, abacate é doce, não deve ficar muito bom”, mas como eu nunca deixo de experimentar nada, provei e foi amor à primeira mordida 🙂
O melhor de tudo é que é muito fácil de fazer, e nem precisa de nada mirabolante (igual varias receitas com ingredientes impossíveis de ser achados). 

E se eu consigo fazer, qualquer um consegue (não sou a melhor pessoa do mundo na cozinha haha).
Vou explicar como faz…
Os ingredientes: 

  

  
* 3 abacates pequenos

* 2 colheres de sopa de cebola roxa 

* 1/2 tomate

* 2 colheres de sopa de coentro 

* 1/2 Limão 

* Sal 

* Pimenta Jalapeña ou qualquer outra Pimenta que você tiver em casa.

* Nachos (pode ser Doritos mesmo) 
Você vai abrir os abacates e vai usar a massinha de dentro, tira tudo e coloca numa vasilha para misturar.

Corte o tomate, a cebola, o coentro e a pimenta bem pequenos.
Misture tudo na vasilha que está o abacate e tempere com o limão, sal e pimenta, até ficar do gosto que você achar melhor.
Coma com os nachos (melhor se for aqueles sem tanto tempero, pra poder sentir o gosto de Guacamole).
  
Prontinho, agora você vai ficar mais pertinho do México na sua casa mesmo. 
Espero que tenham gostado. 

Adiós, 

Ju. 

Fotos do Pinterest. 

Aloha.

Sabe aqueles lugares que você pensa: “Caraca, imagina que lindo deve ser lá!”. Mas no fundo você acha que é impossível conhecer e só vai ficar nas fotos da Internet mesmo?

Então… o Hawaii era assim pra mim. Nunca tinha pensado em ir pra lá, já tinha visto mil fotos das praias maravilhosas, mas era uma coisa muito distante.

Até que certo dia meu pai (que é surfista), sugeriu que eu, ele e minha mãe fôssemos assistir o campeonato mundial de surf lá no Hawaii. Claro que adoramos a ideia e fomos nos preparar pra essa viagem, que até hoje foi uma das mais emocionantes da minha vida.

Chegamos no aeroporto de Honolulu dia 15 de dezembro, no inverno… mas estava muuuuito calor.
Alugamos nosso carro e fomos viver.

A ilha onde ficamos hospedados foi a de Oahu, onde fica a capital do Hawaii, Honolulu. Ficamos em North Shore, que é a parte norte da ilha, onde seria o Billabong Pipe Masters (campeonato de surf).

Começamos nosso primeiro dia de Hawaii, passando pelas prais mais famosas, Pipeline, Turtle Bay, Haleiwa, Waimea (tinham mais praias que eu não me lembro o nome, elas ficam todas uma do lado da outra). Também fomos passear pela vila de Haleiwa, onde nós encontramos umas lojinhas fofas e coisinhas de comer.foto_1212IMG_1861

DCIM100GOPROGOPR0217.

Ao longo dos dias, fizemos muitas coisas, visitamos muitos lugares maravilhosos, fomos à Honolulu, a capital do Hawaii, que é uma cidade enorme, cheia de prédios altos e lojas caras. Não me identifiquei muito com a cidade, mas foi legal conhecer. Na praia de Waikiki, encontramos a estátua do Duke e penduramos colares de Lei (aqueles colares havaianos famosos) no braço dele, pra não fugirmos da tradição do lugar.

Os dois passeios que mais me deixaram emocionada foram: a praia de Mokule’ia e Pearl Harbor.

Mokule’ia foi a praia que o avião de Lost caiu. Sim, o voo 815 da Oceanic Airlines. Eu e minha família somos super fãs da série e esse era um lugar que não poderíamos deixar de ir. Sério, eu fiquei muito feliz de conhecer a praia, ela fica bem afastada da casa das pessoas e a gente demorou um pouco para achar, mas assim que vimos a praia, não tivemos dúvidas de que era o lugar certo. Foi muito legal.

O segundo lugar que foi demais conhecer, foi Pearl Harbor. Desde sempre eu amei estudar sobre a Segunda Guerra Mundial, ler livros, ver filmes e documentários… e estar em um lugar onde aconteceu algo tão importante e triste, me deixou muito emocionada (de chorar mesmo!). Logo na entrada tinham uns stands com alguns senhores que lutaram na guerra em Pearl Harbor, eles escreveram livros sobre o que aconteceu, alguns publicaram os diários pessoais da época. Eu comprei dois livros, eles autografaram e foram muito fofos comigo. 🙂

Passamos por um sala de cinema, onde assistimos um video sobre o ataque do Japão na base americana de Pearl Harbor em 1941. Pegamos um barco que nos levou até o monumento, onde estavam os navios no dia D. Foi emocionante demais!

foto_1200

IMG_2223

foto_1211

IMG_2475

IMG_2331

Sobre a comida… que delícia a comida! Uma viagem não é completa sem provar a comida do lugar. Eu sempre faço questão de comer as coisas típicas e diferentes de todo lugar que eu viajo, dentro ou fora do Brasil, dessa vez não seria diferente.

Camarão e Shave Ice, esses dois resumem North Shore. Todo lugar tem uma barraquinha de Shave Ice (é aquele gelinho com sabor que a gente encontra em feirinha aqui no Brasil). Pra ser muito sincera, eu acho isso bem sem graça, mas eu não poderia deixar de comer um desses lá no Hawaii.

O camarão é muito famoso, ao longo da ilha a gente vê muuuitos food trucks de camarão. O mais famoso é o Giovanni’s, e é claro que fui lá experimentar. Eu e minha mãe pedimos um prato cada uma do tradicional, custou 13 dólares e veio cheeeeio de camarão com alho, vem com um pouco de arroz também (mas eu nem comi, porque pra mim, arroz só serve pra encher barriga e desviar a atenção do prato principal).

As frutas também são famosas na ilha, e em todo canto tem alguém comendo e vendendo frutas tropicais.

Mas na maioria do tempo comemos comida normal, fazíamos compra no supermercado, e como estávamos em uma casa com cozinha e tudo mais, facilitou bastante nossa vida, e ficou mais barato do que comer na rua todo dia.

IMG_2901

IMG_1960

IMG_2851

Sem título

IMG_2021

O motivo principal da viagem, foi assistir o campeonato de surf (na verdade, esse era o motivo principal do meu pai). Pois então, o campeonato foi bem legal… tudo bem que eu não entendo muita coisa sobre surf, mas a energia das pessoas da praia foi muito bacana. Eu me senti no Rio de Janeiro, porque 99% das pessoas lá, eram brasileiros haha. Foi bem legal poder ver os melhores surfistas do mundo de pertinho (de pertinho mesmo, todos ficam andando no meio do pessoal, o assédio lá fora é muito menor do que aqui no Brasil). Poder ver a vitória de um brasileiro de pertinho, foi muito emocionante.

DSC09074

IMG_2691

IMG_3570

IMG_3535

Definitivamente, o Hawaii é um lugar que vai ficar guardado pra sempre comigo, pelas praias maravilhosas, as pessoas receptivas e sempre alegres, a comida gostosa e claro, não é qualquer lugar nesse mundo que você pode ver um arco-íris todos os dias. ❤️ Com certeza essa foi uma das viagens mais memoráveis da minha vida.

Aloha,

Ju

O primeiro post desse blog.

A primeira viagem que me lembro de ter feito, foi pra Belo Horizonte, pra visitar uma parte da minha família. Eu tinha uns 5 anos, e me lembro que ficava empolgada pra ir nos lugares diferentes que tinham por lá… o zoológico, o Parque Municipal, o parque de diversões… tudo isso que não tinha na minha cidade e só tinha lá em BH (na minha cabeça essas coisas só existiam lá haha). E eu me empolgava com coisas bobas também, como por exemplo ir na padaria do lado da casa da minha bisavó. Não tinha nada de especial na padaria, mas era uma padaria numa cidade diferente, eu achava o máximo ir lá com minha mãe, e ficar vendo as coisas, porque por mais que fosse uma padaria, eu sempre achava coisinhas que não tinham onde eu morava, e tudo que fosse novo e diferente, chamava muito minha atenção (até hoje uma das minhas coisas preferidas em viagens é visitar padarias e supermercados).

Eu cresci numa família que sempre gostou muito de viajar, qualquer feriadinho ou fim de semana, a gente já saía de casa, mesmo que fosse pra algum lugar pertinho. Meus pais sempre fizeram questão de mostrar pra mim e para minha irmã, que o mundo la fora é um lugar lindo pra ser explorado, e eu desde pequena levei isso muito a sério.

Quando fiz 16 anos, eu fui fazer um intercâmbio. Essa foi a primeira grande viagem da minha vida (mas depois eu explico com detalhes, tudo sobre o intercâmbio).

Depois do meu intercâmbio eu nunca mais parei de viajar, mesmo. O frio na barriga por estar em um lugar diferente, conhecer pessoas novas, experimentar comidas típicas do lugar… isso tudo não tem preço.

Espero pode viajar muito ainda nessa vida, e aqui no blog vou compartilhar sobre as viagens que já fiz e as que ainda vou fazer.

Espero que gostem.

Beijo beijo,

Ju.